Ciao a tutti! Nenhuma viagem à Itália é completa sem conhecer e experimentar os seus sabores. Quando visitamos a Itália pela primeira vez, ainda antes de pensar em morar, voltamos para o Brasil com a mala cheia de coisas, geléias, uns 20 tabletes de chocolate, café, vinhos, de tudo! E agora que morando aqui, sempre que alguém vem nos visitar é a mesma coisa, nos perguntam o que levar de melhor e todos voltam com as malas cheias. Então é normal bater aquela dúvida, isso pode? O que levar? Dá vontade de levar tudo! Nossos pais vieram recentemente e compraram tanta, mas tanta coisa que tivemos que emprestar uma mala. É normal! As comidas aqui são gostosas e você tem que levar um monte pro Brasil mesmo. E nesse post ajudamos nessa bacana tarefa de escolher o que levar na sua mala de volta. Estes produtos podem ser encontrados facilmente nos supermercados, e temos certeza que não vai faltar nada para matar a saudade ou presentear a família e os amigos quando chegar em casa. Vamos agora descobrir os 10 produtos deliciosos da Itália para levar na mala?

Café

Café Illy

Aqui indicamos duas excelentes opções: Lavazza Oro e Illy. Os dois são ótimos cafés que você pode encontrar no supermercado, particularmente nós preferimos o Lavazza Oro, mas o Illy vem logo atrás na preferência, além de vir em uma linda latinha, então para presente é perfeito. 

Dica: a Bialetti e suas clássicas cafeteiras mokas, para presente e para nós mesmos, o cafezinho fica uma delicia! Quer saber mais sobre os tipos de café italianos? Clique aqui

Macarrão 

Macarrão

Impossível falar em Itália sem falar de macarrão. E aqui indicamos algumas marcas: Garofalo, Rummo, Molisana, Voiello e De Cecco, que são as nossas mais facilmente encontradas por aqui e não dá para escolher uma, são todas ótimas. Você deve estar se perguntando: ué, e a Barilla? Bom, a curiosidade é que os italianos nem gostam tanto assim da Barilla, preferem qualquer outra marca a ela, que não tem a melhor entre as qualidades. Eles só a compram quando o preço dela no supermercado é baixíssimo. Então vindo pra cá, escolha outra marca que não a Barilla, afinal ela já temos no Brasil rs prove uma diferente.

Gianduia

Chocolates

Existem muitos chocolates maravilhosos aqui, como a gianduia, que é um chocolate feito com pouco cacau, açúcar e avelãs e é típico de Turim, norte da Itália. No Brasil a gianduia existe mas é um pouco mais caro e difícil de encontrar. Na Itália existem muitas opções, com as mais diversas embalagens, que além de muito gostoso é uma ótima opção de presente. A marca Pernigotti é fácil de encontrar e é uma delícia! 

Geléia

Geleia de Frutas Vermelhas

Existem muitas geléias deliciosas aqui na Itália, mas essa é a nossa preferida. Se chama Fior di frutta e tem um sabor bem delicado e definido, com uma textura cremosa que vale a pena por na mala.

Pan di Stelle

Pan di Stelle

Biscoito feito de cacau e coberto com pequeninas estrelas de açúcar. É um biscoito adorado aqui e temos absoluta certeza que será uma ótima escolha para levar na mala da Itália. Tem até a versão cremosa do Pan di Stelle para passar no pão.

Arroz para risoto

Arroz de Risoto

Prato típico de Milão! Quem não ama um bom risoto? Mas para isso é preciso um bom arroz. São 4 tipos que rendem um bom risoto: Carnaroli, Vialone nano, Roma e Baldo, que são aqueles com grãos pequenos e redondos. Existem muitas marcas no mercado, escolha um desses 4 tipos que escolherá bem, de qualquer marca, todas são ótimas!

Dica: leve um pacotinho de zafferano, que é o açafrão, e faça um risoto milanês quando chegar no Brasil.

Molho para macarrão

Molho Pronto

Quer um molho ótimo e prontinho para o uso? Escolha a salsa Datterini da marca Mutti. É docinho e cremoso. 

Queijo

O rei dos queijos italianos, o Parmeggiano reggiano ou o Grana Padano devem estar em sua mala. Nada melhor que ralar um pouquinho no seu macarrão e lembrar um pouco mais das delicias da Itália.

Atenção para escolher um queijo com uma embalagem lacrada e original de fabricação, com rotulagem que possibilite a sua identificação do fabricante. 

Azeite

Azeite

Um dos melhores azeites do mundo, não deixe de levar um da Itália na sua mala. Na hora de comprar, repare na embalagem se está escrito DOP, se estiver, pode comprar sem medo, essa classificação quer dizer que a origem do produto é controlada e a qualidade garantida. Normalmente essas embalagens douradas ou prateadas como na foto acima são “DOP”.

Dica: use seu delicioso azeite quando chegar no Brasil fazendo um belo pesto e surpreenda seus convidados. Te ensinamos a receita completa aqui

Vinho

Vinhos

Leve pelo menos um vinho da Itália na mala! Aqui eles são maravilhosos e existe uma infinidade de opções nos supermercados, escolha um que achar interessante. Nós adoramos por exemplo o Chianti, que combina muito bem com carnes, salames, queijos e tem um sabor marcante, além de ser fácil encontrar. 

O que posso levar na mala?

As bebidas alcoólicas na bagagem despachada que possuem um teor alcoólico inferior a 24% não possuem restrições de quantidade, mas esse transporte precisa respeitar a franquia de bagagem despachada e estar devidamente embalada. Já as bebidas com teor alcoólico entre 24% e 70% são permitidos até 5 litros por passageiro. Bebidas com teor alcoólico superior a 70% são proibidas. Para poder despachar esses volumes é necessário utilizar uma embalagem adequada, acondicionando as garrafas em dois sacos de retenção (que sejam impermeáveis em caso de rompimento da embalagem) como o plástico bolha, por exemplo. Caixas de bebidas alcoólicas também são permitidas, desde que estejam com a etiqueta LR (Limite de Responsabilidade – basta assinar um documento se responsabilizando por qualquer dano a embalagem).

Todos os alimentos devem estar acondicionados em sua embalagem original de fabricação, com rotulagem que possibilite a sua identificação. Podem vir na mala os produtos cárneos industrializados destinados ao consumo humano (esterilizados comercialmente, cozidos, extratos ou concentrados de carne, etc); – produtos lácteos industrializados (queijo com maturação longa, por exemplo); – produtos derivados do ovo (ovo em pó, ovo líquido pasteurizado, clara desidratada, etc); – pescados (salgado inteiro ou eviscerado dessecado, defumado eviscerado, esterilizado comercialmente).

A fiscalização em portos, aeroportos, postos de fronteira e aduanas especiais é feita pelo Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro) do Mapa. O trabalho de inspeção evita a entrada de pragas que possam causar danos ao meio ambiente. (Fonte: Ministério da Agricultura). 

Seguindo direitinho essas regras sua volta será tranquila e vai poder aproveitar todas as delícias que levar da Itália. Até a próxima, bacio!

7 Comments

  1. Eu levaria muito arroz para fazer risoto rs! Eu adoro risoto! Esse final de semana mesmo, fiz um de limão siciliano que ficou muito bom! E para completar com o prato, pegaria um bom vinho! Deve ser bom demais visitar a Itália hein!

  2. Uma das coisas que definitivamente eu quero fazer quando for a Itália é trazer produtos e comidas hahah, sabe me dizer se eu carregar uma mala com muitas coisas, mas diversificadas, teria problema por ser comidas e bebidas?

    • Bebidas tem uma quantidade de litros limitada e vão somente na bagagem despachada. Alimentos frescos não podem ir na despachada.Tirando isso, pode sim encher uma mala ahaha nossos familiares fazem isso sempre que nos visitam e nunca deu problema.

  3. Que delícia! Me deu saudades da Itália. Quando voltei de viagem trouxe café, azeite e vinhos. Com certeza, não tem como não aproveitar e trazer alguns na mala.

  4. amooo pan di stelle meudeus que delicia!! também recomendo levar pesto, sou apaixonada! depois que provei o pesto de verdade, perdi a vida haueahe
    azeite com toda certeza, tem outro sabor. eu queria era levar o mercado inteiro haeuahue

  5. Adoro posts sobre comidas!!! rs Quando fui pra Itália trouxe um monte de queijo, aceto balsamico e presunto parma na mala pq passei uma semana na região de Bolonha! E tb compramos algumas coisas diversas no Eataly e temperinhos em feiras de rua maravilhosas! Ah e como meus pais amam e estudam vinho, no último dia de viagem ainda corremos para uma loja especializada pra garantir algumas garrafas rs

Write A Comment