Adoro viajar! Sempre descubro coisas novas, e uma das primeiras coisas que descobri em uma viagem a Florença, assim que me mudei para a Itália, foi o vino sfuso. Um dia passeando por aquela cidade que parece de mentira de tão linda, com suas ruas históricas, clima artístico único, vi uma pessoa entrando com uma garrafa vazia em uma lojinha bem discreta e saindo com a garrafa cheia de vinho. Pensei: tem coisa aí! Entrei para xeretar e vi que alí eles vendiam vinho “a granel”, o tal do vino sfuso.

Você simplesmente entra na loja que vende (sempre tem escrito na porta) com sua própria garrafa de plástico ou vidro, de 1 a 5 litros e pede para encher com o vinho de sua escolha e pega por litro. Se você não tem a primeira garrafa eles te vendem uma, sem problemas. São barris de vinho jovem do produtor local que não passaram pelo envelhecimento e não foram engarrafados ainda. Você já deve ter lido em algum lugar falando: na Itália peça o vinho da casa no restaurante, é mais barato, é gostoso… então, é esse aqui o vinho da casa, o vino sfuso. Não são os melhores vinhos, claro, mas para o dia a dia é um ótimo custo benefício, além de ajudar o produtor local e não gerar tanto lixo com garrafas e mais garrafas.

Os italianos prezam muito pela fabricação local, gostam de saber a procedência de seus ingredientes e assim controlar a qualidade, não é atoa que é uma das culinárias mais apreciadas do mundo (na minha opinião a melhor), sempre com ingredientes simples e de alta qualidade. E uma das coisas mais especiais é a paixão que os italianos tem pelo vinho, paixão que é contagiante! Aqui aprendi a apreciar melhor, já que encontro tranquilamente vinhos certificados e de ótima qualidade por menos de dois euros no supermercado, além de aprender também a harmoniza-los melhor com cada refeição.

Lembro que um dos melhores vinhos que já bebi, conheci conversando com um senhorzinho no supermercado, ele me viu olhando em dúvida para a prateleira e puxou papo: “Olha, menina, pega esse aqui ó (e colocou o vinho no meu carrinho), ele é barato e ótimo porque combina com muitos pratos. Pega esse que você vai gostar. Eu bebo menos hoje em dia porque estou ficando velho (ele tinha uns 80 anos) e preciso diminuir um pouquinho (!) o vinho a noite. Tem uns que são mais caros aqui e melhores, mas (e parou de falar olhando pra prateleira)… na verdade todos aqui são bons pensando bem”. E riu. Abri na mesma noite a garrafa de vinho. O simpático senhor estava certo. 

E os vinhos a granel são ótimos nesse sentido também, porque os vendedores também vão te indicar algum conforme sua necessidade, se não souber escolher sozinho. Existem muitas lojas de vino sfuso na Itália e como turista, você pode experimentá-lo em alguns lugares, já que essa garrafa não sendo lacrada pelo fabricante não pode ir na sua mala de volta ao Brasil. No Navigli tem um ótimo vino sfuso no La Vineria, uma loja pequena, charmosa e super barata que dá pra beber na hora, tem mesas do lado de fora. Se quiser beber no hotel, indico outros 3 lugares, que infelizmente não tem mesa. Um é a Enoteca perBacco di Adriano Franzolin, pertinho da Corso Buenos Aires, ótimo preço e qualidade. Outro é o Eataly, na Porta Garibaldi e por fim, L’Angolo diVino que fica na Piazza Insubria, um pouco afastado do Centro, mas com excelentes opções.

O que achou dessa cultura de vinhos italianos? Quando vier a Itália tenha essa experiência e me conta! Até a próxima! Cin cin!

5 Comments

  1. Daniela Cascardo Reply

    Uauuu! Que histórias!!! Queria morar em Florença e saborear vinhos “da casa” todos os dias!!! Hahahaha
    Não sabia dessa prática por lá! Fui a Florença apenas em um bate e volta e gostaria muito de ir para passar uns dias!!! Aliás, também acho a culinária italiana a melhor 😉

  2. Adorei conhecer o vino sfuso. Estive recentemente na Toscana e não reparei nesse tipo de loja mostrada no post. Sem dúvida uma opção muito prática e barata para o dia a dia do italiano.

  3. Lidiane Costa Reply

    Nunca ia imaginar que o vinho sfuso é o famoso vinho da casa rs Ótima dica para economizar, obrigada!
    Ahhh, acho ótima essas coisas de levar sua garrafa e encher, bem ecológico ne?!

  4. Que legal esse esquema para comprar vinho! Quando viajei pelo Uruguai eu também comprava assim, saía bem mais barato e era de ótima qualidade

  5. Vino Sfuso, agora sei o que é e vou aproveitar a dica e procurar por uma loja. Pena que não terei tempo em Milão pra ir nestas que você indicou…

Write A Comment