Nos perguntaram outro dia se na Itália existem lanches rápidos para comer na rua, como o pastel do Brasil. A resposta é: claro que sim! Italianos adoram ficar sentados nas calçadas ou praças comendo alguma coisa. Aqui não é perigoso fazer isso e acaba sendo mais econômico, além disso eles são tão deliciosos quanto comida de restaurante (as vezes até mais). Sendo assim, fizemos uma lista com 10 lugares em Milão para você provar o verdadeiro Street Food italiano… e se deliciar com ele!

Piadina

Piadina Street foods

Um clássico street food italiano original da Emilia-Romagna, no norte da Itália. Lembra um pouco o pão sírio vendido no Brasil e pode ser recheada conforme sua imaginação mandar. O recheio mais tradicional é de prosciutto crudo, rúcula e queijo squacquerone (um queijo mole que na textura lembra o requeijão). É perfeito para ser aquele lanche descontraído. Muitas vezes os italianos vão no mercado comprar a piadina, um pacote de prosciutto, sentam na praça mais próxima e comem tranquilamente seu lanche. Fazemos isso também, super prático, gostoso e uma dica de onde comer uma ótima piadina é a Piadineria, super fácil de achar pela cidade. 

Panzerotto

Panzerotto Luini

Se chama calzone na Puglia e pizza frita em Nápoles. Nasce em Salento quando um padeiro decide usar massas de pão que sobraram para fazer mini pizzas em formato de meia-lua. Na verdade são saquinhos deliciosos de massa recheadas de muito queijo e tomate em sua receita tradicional e nas receitas mais modernas com verduras ou carne. Podem ser fritas ou assadas e tem um perfume inconfundível. Em Milão existem dois lugares em pleno centro onde é possível provar: o Luini, o clássico e famoso panzerotto da cidade e a Antica Pizza Fritta da Zia Esterina Sorbillo, que fica na rua de trás do Luini. Ambos tem os mesmo preços e é só escolher qual experimentar, já que os dois são deliciosos exemplos de street food.

Frango assado

Frango Assado Street foods

Sim, frango assado. E no Giannasi, assim como o panzerotto do Luini, é um clássico. Ele está em Milão desde 1967 e desde a década de 90 o seu frango assado estabeleceu-se como street food obrigatório. Custa em torno de 4€ e é reconhecível pelo seu sabor intenso, devido à mistura de ervas em que é marinado por 24 horas antes de ser colocado no espeto. Dada a sua notoriedade e sabor, é fácil encontrar um pouco de fila na hora do almoço. Depois de comprar é só sentar na praça do lado e comer seus deliciosos pedaços de frango com as mãos. Quer coisa melhor?

Tramezzino

street foods Tramezzino

Ou Tramezzino veneziano, como é também chamado. Usa-se pães de forma sem as crostas, cortados em triângulos, recheados das mais diversas formas e são usados em buffets, piqueniques e almoços rápidos. Facilmente encontrados nas cafeterias italianas são servidos frios como regra, mas as vezes se encontra na versão quente. O Tramè em Milão é uma boa opção para se comer um verdadeiro tramezzino veneziano. 

Toast

Toast

Já o Toast é a versão quente e com crostas, parecido com o nosso misto quente. Super simples e ao mesmo tempo representa todas as nuances da cozinha italiana. Na Toasteria italiana, os ingredientes de primeira linha transformam um simples pão em uma iguaria. Quando você anda pela Corso Buenos Aires, especialmente se o seu amor por compras o fez pular o almoço, pare e aproveite os toasts requintados combinados com um prosecco… você recuperará a energia perdida em pouco tempo!

Panino

Panino

Agora o Panino é diferente porque não é feito com pão de forma e pode ser quente ou frio, recheado conforme sua imaginação mandar. Em Milão a Michetta’s, um lugar incrível localizado no distrito de Piola, perto do Politécnico, leva seu nome por uma razão muito específica. A Michetta’s é o único tipo de pão que obteve a certificação do Município de Milão – como um autêntico produto local – e no cardápio é reinterpretado e enriquecido de diversas maneiras, tudo muito saboroso e impossível de encontrar em outro lugar. Um verdadeiro street food!

Pizza al taglio

Pizza

Chamada também de pizza al trancio, foi inventada em Roma e nada mais é que uma pizza feita em longas formas retangulares. O mais legal é que elas são cortadas com tesoura em formatos quadrados do tamanho que você pedir ao vendedor e pagas por quilo. Geralmente essa pizza é mais recheada que a redonda e tem mais variedades de recheio também. Em Milão o mais famoso é o Spontini, que apesar de não vender por quilo mas fatias, mantém a idéia da pizza al taglio e tem uma unidade perto da Galleria Vittorio Emanuele. E o nosso predileto, um pouco mais afastado do centro, o Pandemonium, esse sim vende a pizza por quilo.

Arancina

Street foods em Milão

Olhando parece uma coxinha, mas não se engane, eles são completamente diferentes. De origem siciliana, é um bolinho empanado frito feito com arroz, carne moída, ervilhas e queijo na sua receita clássica e de infinitos recheios nas suas variações. É fácil achar a arancina já que os italianos adoram comer essa delícia. Nós adoramos também, macio e quentinho, fazemos até em casa quando sobra risotto. Em Milão, a Putìa Bottega Terrona faz uma ótima arancina, até na versão alla milanesa, feita com risotto e ossobuco. Vale a visita.

Arrosticini

Arrosticini

Tem espetinho de churrasco na Itália sim e se chama arrosticini. E no Rost Eat, um ponto de encontro para estudantes e carnívoros de todos os tipos, você encontrará estes espetos finos de carne de ovelha, muito crocantes e saborosos. Eles são servidos em um pires, simplesmente embrulhados em papel alumínio para evitar que eles esfriem. Ô maravilha.

Brioche con gelato

Gelato

Para terminar essa lista uma sobremesa e nada melhor que um brioche con gelato para isso. Não tem muita explicação para o que é isso: um pão brioche macio recheado de gelato. Pronto, delicioso, principalmente se for feito pela Antica Gelateria Sartori, uma barraquinha do lado da Estação Central de Milão que existe desde 1937 e virou uma instituição da cidade, de passagem obrigatória ou um bom motivo para desviar do seu caminho. 

Bônus

10 Street foods imperdíveis em Milão!

Aqui um bônus, que apesar de não ser de origem italiana merece ser dita, afinal comida gostosa é comida gostosa, não interessa a origem. E a Ravioleria Sarpi, que fica na Chinatown, é um dos street foods mais populares de Milão. Os raviólis, preparados na hora e cozidos rapidamente na água, são de carne bovina e alho-poró ou carne de porco e repolho e absolutamente não são famosos atoa.

Ficou com água na boca? Nós também! Em sua visita a Milão não deixe de experimentar o nosso street food, que faz parte do dia a dia da cidade. Com certeza isso vai fazer sua experiência mais completa. Aproveite e veja os pontos turísticos imperdíveis da cidade, dicas do que comprar no mercado e nas lojas de departamento. Descubra Milão!

8 Comments

  1. Aí meu deus, eu já sou louca por comida de rua, na Itália então é pra perder o controle de vez! Amei as dicas e quero conhecer todos!

    • As comidas de rua aqui são deliciosas! Ainda bem, assim não sinto muita falta do pastel ahaha
      Vc vai adorar cada uma Marcela, tenho certeza.

  2. Eu amo Milão, mas muito interessante essa abordagem .
    Legal saber que não precisa só visitar lugares caros.
    parabéns!!

  3. Gente, uma comida mais gostosa do que a outra!!!! Agora, cá entre nós, os franceses têm um ataque cardíaco cada vez que veem o brioche recheado. Isso é um sacrilégio por aqui, rsrsrs

    • Os Italianos também tem um ataque cardíaco toda vez que veem pizza, lasanha fora da Itália… sempre se muda a receita original. Ocorre haha

Write A Comment