Ciao a tutti! Milão é uma cidade deliciosa de se conhecer, com infinitas atrações. E para aqueles que tem pouco tempo e não querem perder o melhor da cidade ou ainda querem mostrar a um amigo, eis aqui os 10 lugares imperdíveis para mostrar a quem vem a Milão pela primeira vez! 

1. O terraço do Duomo

Milão de Graça

Ele é o terraço dos terraços de Milão, afinal estamos falando do Duomo. Enquanto os grandes hotéis e as grandes marcas de glamour da cidade competem para oferecer seus aperitivos com vistas para a Catedral, que tal ver Milão com a vista mais preciosa e inestimável da nossa cidade? Com suas 3.400 esculturas e várias lendas (como por exemplo a Carlina, o fantasma da sorte no Duomo de Milão) o terraço vai tirar o seu fôlego (literalmente para aqueles que decidem subir de escada). Aproveite que vai subir ao terraço e visite também a Catedral. Veja o nosso video sobre o Terraço do Duomo.

2. A Última Ceia de Leonardo da Vinci

10 lugares imperdíveis em Milão

Um grande milagre de técnica, habilidade, história, mistério e poder. O fato da Última Ceia de Leonardo ter chegado até os dias de hoje é algo extraordinário, começando por Leonardo que não usou a tradicional técnica usada na época que secava muito rápido e exigia que pintor terminasse rapidamente sua obra. No lugar disso, Leonardo usou uma técnica nova, muito mais perecível com o uso de ovos e materiais orgânicos e secagem lenta que o permitiria ter mais tempo para finalizar a obra, porém essa nova técnica fazia com que a obra também durasse menos e por isso é um milagre que ela ainda exista. Além do desgaste forte do tempo, ela também sobreviveu aos bombardeios aéreos da noite de 10 de agosto de 1943, quando todo o resto da sala que ficava a Última Ceia desabou e somente seu muro, tão único no mundo, permaneceu de pé. 

Não se esqueça de se programar com bastante antecedência para visitar a Última Ceia, pois ela é bem concorrida. Veja nossas dicas de como visitar a Última Ceia de Leonardo da Vinci em Milão.

3. Quadrilátero da Moda

10 lugares imperdíveis em Milão

O famoso quarteirão dedicado a compras de luxo em Milão. Estamos falando do Quadrilátero da Moda, pois se o diabo veste Prada, ele certamente vai às compras por ali! É aqui que os designers e estilistas mais famosos do mundo expõem suas maiores criações ao público, que não comporta apenas roupas de alta moda mas também joalherias, perfumarias, ateliês com janelas brilhantes e montadas da maneira mais extravagante e original possível. E mesmo que comprar no Quadrilátero não seja para o bolso de todos, ainda é uma área muito movimentada e é muito gostoso dar um passeio para admirar a beleza das vitrines ou até se divertir com o exagero de algumas.

4. Castelo Sforzesco

10 lugares imperdíveis em Milão

Sabendo que no centro de Milão tem um castelo, impossível não visitá-lo. O Castelo Sforzesco é a grande mansão da cidade, já que o Duque de Milão (Ludovico Sforza, e daí vem o nome do castelo) morava nele e o incrível é que nem todo mundo sabe disso. Ele preserva coleções muito valiosas, desde o Museu Egípcio ao Museu de Armas, passando pelos pátios e poços de tempos remotos até uma obra nunca antes vista de Leonardo da Vinci e a última obra de Michelangelo. Sua visita é imperdível e com certeza é um dos 10 lugares imperdíveis para mostrar a quem vem a Milão pela primeira vez.

5. Parque Sempione

10 lugares imperdíveis em Milão

Ele é o parque que fica atrás do Castelo Sforzesco em estilo romântico “inglês”, completamente cercado, que contém uma rica coleção arbórea e arbustiva, inúmeros espaços recreativos e de lazer para crianças e adultos. Ao longo de suas margens existem importantes edifícios históricos e instituições de Milão, como a Arena Gianni Brera, o Arco della Pace e a Triennale di Milano, além do Aquário (ótima opção de passeio com crianças). Impossível não se apaixonar por essa parte de Milão.

6. O bairro de Brera

10 lugares imperdíveis em Milão

Pitoresco e fascinante, o bairro de Brera, no coração da cidade, é um dos orgulhos de Milão. Destino de artistas há séculos, hoje nos fascina pela presença de importantes instalações de moda e pelo inconfundível caráter boêmio e romântico. Aproveite que está conhecendo essa parte lindíssima de Milão e já conheça também seus restaurantes e a Pinacoteca, além do Horto Botânico que se apresenta ao visitante como um refúgio verde bem no centro da cidade, com suas variedades de plantas e milhares de segredos para descobrir. Brera com certeza é um dos 10 lugares imperdíveis para mostrar a quem vem a Milão pela primeira vez.

7. Navigli

O Navigli em Milão nada mais é que os três canais da cidade, cada um com um nome e histórias diferentes: o Naviglio Grande, o Naviglio Pavese e o Naviglio Martesana (Navigli é o plural de Naviglio). É no Navigli que fazemos o famoso aperitivo milanês. E o que é o aperitivo? Bom, com um custo que varia entre 8 e 15 euros você tem direito a um drink e buffet ilimitado… isso mesmo que você leu, ilimitado! Escolha entre as opções de buffet e coma a vontade. Aproveite que já está no Navigli e conheça também o “Cortile degli artisti”, o “Mercato Comunale”, o “Vicolo dei Lavandai” e a igreja de Santa Maria delle Grazie al Naviglio. Opções de diversão não faltam por ali.

8. A Igreja de San Maurizio al Monastero Maggiore, a Capela Sistina de Milão

Ela fica entre o Duomo e a Igreja de Santa Maria delle Grazie onde está a Última Ceia de Leonardo da Vinci, aproveite e já vai conhecendo nessa ordem, a pé mesmo, elas são muito próximas. A Igreja de San Maurizio al Monastero Maggiore é conhecida como a Capela Sistina de Milão por seus 4 mil metros de afrescos e uma beleza única. Entre os seus afrescos, existe a maior curiosidade da Chiesa di San Maurizio: a Arca de Noé com um casal de unicórnios! Sim, como você pode ver na foto abaixo, um casal de unicórnios está entrando na Arca, demais não? 

9. Pinacoteca Ambrosiana

Aqui, nosso museu preferido em Milão e com certeza um dos 10 lugares imperdíveis para mostrar a quem vem a Milão pela primeira vez. Fundada por Federico Borromeo em 1618, a fim de garantir educação cultural gratuita a quem demonstrasse aptidões e qualidades artísticas ou intelectuais, a Galleria d’Arte Ambrosiana é o museu mais antigo de Milão. No seu interior, existem obras de Antonio Canova e Pompeo Marchesi; o esboço para a Escola de Atenas de Rafael; o Cesta de Frutas de Caravaggio; a Madonna com Criança e Três Anjos de Botticelli, além do Código Atlântico de Leonardo da Vinci que se encontra em sua biblioteca.

10. Bosco Verticale

Bosco Verticale

Agora falamos da Milão moderna, que sim existe. O Bosco Verticale, o arranha-céu mais bonito, inovador e sustentável do mundo. Os dois prédios que o compõem têm, respectivamente, 110 e 76 metros de altura. Estes arranha-céus têm aquele toque extra caracterizado pela presença de (muitas) árvores, são cerca de 800 que pertencem a diferentes espécies entre plantas florais, árvores altas e arbustos distribuídos nas fachadas. É realmente um bosque vertical. E além do Bosco, aproveite para relaxar na Biblioteca degli Alberi, que é nova em Milão e é muito mais que um simples parque, é um respiro na cidade, é um novo conceito de jardim botânico onde o cuidado e proteção do verde são prioridades ao mesmo tempo que mantém toda a experiência cultural de Milão. Ela fica a poucos passos do Bosco Verticale e é um incentivo a inovação aliada ao bem-estar. Curta também um pouco da dolce vita na Corso Como, que fica na elegante Corso Garibaldi (pertinho do Bosco) com seus diversos bistrôs. Absolutamente um dos 10 lugares imperdíveis para mostrar a quem vem a Milão pela primeira vez. 

Com esses 10 lugares, temos certeza que você vai se encantar por Milão. 

DICA: Aproveite e saiba mais sobre nossos ENSAIOS FOTOGRÁFICOS EM MILÃO! Leve para casa as mais lindas recordações de seu passeio pela nossa linda cidade!

6 Comments

  1. Da sua lista, só não conheço a Pinacoteca Ambrosiana, que parece bem interessante. O Quadrilátero da Moda é curioso, mas gostei muito mais do Quadrilátero do Silêncio. A região já abriu ao turismo internacional?

    • Abriu ontem (15.06) para os países da área Schengen, porém alguns ainda estão fechados (Austria e Espanha por exemplo). Fora área Schengen ainda não temos previsão.

  2. Sou apaixonada pela Itália, mas acredita q ainda não conheci Milão ? Esse seu post com os lugares imperdíveis de Milão vai me ajudar bastante no meu planejamento, pois quero ir assim q tudo isso passar.

  3. Gostei de todos os lugares imperdíveis de Milão que você postou. A lista está perfeita e vou incluir no meu roteiro.

Write A Comment